terça-feira, 21 de junho de 2016

Monitorização (Brigadas Verdes): avaliação dos dados recolhidos sobre os temas água, energia, resíduos e floresta


Durante o 2º e/ou 3º períodos alunos do 6ºA, 8ºB e 9ºC monitorizaram os papelões, embalões, água, energia e resmas de papel gastas na reprografia.


A monitorização quinzenal dos ecopontos revelou que houve um aumento continuo na percentagem de ecopontos usados corretamente pelos alunos: de 45,2% em abril para 61,3% a meio de Maio e 67,4% em junho. Constataram também que no final do ano todos os espaços em que foram colocados ecopontos  os continham e estavam funcionais (100%). Através da auditoria ambiental realizada no final do ano constatou-se que 60,8% dos alunos dizem fazer a separação dos resíduos na escola (no início do ano apenas havia 1 ecoponto no recinto escolar); 85,7% dos alunos referem que colocam o papel usado nos papelões colocados no 2º período e 59,9% dizem usar os ecopontos amarelos colocados na sala do aluno e no bar no 2º período. Para este resultado contribuiu em muito o trabalho de sensibilização levado a cabo pela brigada responsável aquando da verificação e recolha do papel nas salas de aula.


A equipa responsável pela monitorização do gasto de papel na reprografia chegou à conclusão que em média são gastas 13 resmas de papel: 8 A4 e 5 A3. Maioritariamente é usado a frente e verso do papel (>90%). Sugeriram que no próximo ano se realizasse uma campanha de redução do gasto de papel.


A equipa responsável pela monitorização da 
água concluiu, após realizada a estatística dos consumos de água registados, que o gasto médio diário de água é  de 5,7 m3. Realizou 9 registos entre janeiro e o início de junho (2 por mês, com exceção do mês de maio- falhou um registo -  e de junho, já que as aulas terminaram no inicio). Constatou ainda que da sinalética colocada nas 8 casas de banhos dos alunos a apelar para a poupança de água, no final do ano apenas existiam 6 autocolantes  intactos (75%), tendo havido a destruição de 2.



A equipa de monitorização da energia teve um extravio na grelha de registo da leitura da energia, pelo que não foi possível fazer o cálculo mensal.  Constatou que no final do ano que existia toda a sinalética colocada nas salas de aula e outros espaços (100%) a apelar para a utilização da energia solar sempre que possível e à poupança de energia elétrica.





A sementeira sustentável, criada no âmbito da comemoração da Semana Europeia da Prevenção dos Resíduos, constituída por 53 embalagens de tetra pak contendo uma semente de carvalho, sobreiro ou castanheiro teve uma taxa de germinação de 39,6% (21 sementes germinaram).






No Global Action Days, do dia 20 de novembro, foram plantadas 14 árvores de fruto autóctones no logradouro da escola. Sobreviveram 12 árvores (85,7%).









Sem comentários:

Enviar um comentário